EAD tem piores notas em exame nacional

29/10/2018 00:10:01

Youtube Telegram

Você sabe qual é o significado de EAD? Por que EAD tem piores notas em provas nacionais? Neste artigo, falaremos tudo sobre EAD e descobriremos por que o EAD tem piores notas em exame nacional. Conheça tudo sobre o assunto a seguir!

O que é EAD?

Abreviação de Educação à Distância é uma alternativa de ensino onde as pessoas podem adquirir o seu diploma, com turnos e horários de estudo flexíveis. E o que levou o EAD a ascensão foi uma evolução tecnológica.

EAD funciona de forma prática e simples, pois o aluno precisa ter um computador que tenha acesso a internet e conhecimentos básicos de informática. Após a escolha do curso, instituição e aprovação no processo seletivo, o aluno pode acessar o site.

E é aí que surge um ambiente dinâmico e inovador, onde há diversas ferramentas disponíveis, como áreas com conteúdos das aulas, trabalhos e exercícios.

Mas nada disso dispensa o aluno de ter de fazer avaliações presenciais e, em certos casos, de ter de desempenhar atividades presenciais, ou mesmo, de comparecer a aulas, presencialmente.

EAD tem piores notas em exame nacional

A educação à distância é uma modalidade que vem crescendo cada vez mais no país e atualmente o EAD tem piores notas em exame nacional. Os resultados do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE) em 2017 demonstram que 46% dos cursos a distância tiraram notas entre 1 a 2, as mais baixas na escala de 1 a 5.

Somente 15% tiveram notas entre 4 a 5. Já no ensino presencial, 33% das graduações receberam as piores notas e 29% receberam as melhores. A prova é aplicada pelo instituto INEP, ligado ao Ministério da Educação. Tal chancela atesta a qualidade e nível de exigência da verificação, de caráter oficial.

Como ocorre a avaliação dos cursos

A cada três anos, uma área de conhecimento diferente é avaliada. No ano de 2017, foram avaliadas as disciplinas de ciências exatas, licenciaturas, entre outras áreas. Entram no grupo os cursos de formação de engenharias, professores, arquitetura, etc..

Os resultados demonstram que não é só na nota final dos formandos que o EAD tem piores notas em exame nacional. No IDD, indicador que mede quantos alunos aprenderam no curso, 6,4% dos cursos de EAD receberam notas entre 4 a 5, enquanto os presenciais a proporção foi de 21,6%. Outros dados foram divulgados pelo INEP mostrando que os cursos a distância são os que mais crescem no Brasil.

Em 2017 eles receberam 27% mais novos alunos que no ano anterior. Já os cursos presenciais tiveram apenas 0,5% a mais de calouros.

Especialistas concedem a diferença, entre outros fatores, ao valor geralmente mais baixo do que os cursos fornecidos de maneira remota. Essa modalidade é ainda aposta de diversos gestores públicos para abrirem novas vagas de ensino superior com menos gasto.

Gostou do artigo sobre educação a distancia e porque EAD tem piores notas em exame nacional? Deixe o seu comentário logo abaixo e continue acompanhando o nosso blog. Até a próxima postagem!

JUNTE-SE A MAIS DE 10.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Confira Nossos Últimos Artigos

Veja abaixo as novidades que preparamos para você, todo dia um texto novo.