Qual a diferença entre diploma presencial e EaD?

24/10/2017 10:10:31

Youtube Telegram

A Chave do Sucesso para Converter Conhecimento em Riqueza

Quando decidimos nos matricular em uma instituição de ensino, sempre nos preocupamos se o diploma ao final do curso é válido ou não. Esta é uma preocupação comum e normalmente temos dúvida se existe diferença entre diploma presencial e EaD. Alguns fatores devem ser avaliados na escolha do curso que vamos fazer, por isso, neste artigo, vamos abordar o que devemos observar e qual a diferença entre diploma presencial e EaD.

Condição para a validade do diploma

Um curso superior válido tem de ser reconhecido pelo MEC; se o curso for reconhecido, o diploma também o será. Este critério é adotado tanto para cursos presenciais quanto para EaD, desta forma, não existe diferença entre diploma presencial e EaD, caso o curso seja reconhecido pelo MEC, que utiliza critérios idênticos para avaliação de ambos os cursos.

Esta avaliação inclui os seguintes critérios:

  • CPC – Conceito Preliminar do Curso –são avaliadas as informações de estrutura do curso, método pedagógico, quadro de professores e infraestrutura;
  • CC – Conceito do Curso – funciona como uma auditoria, sendo avaliadas de forma presencial os aspectos citados no CPC e o cumprimento das normas legais;
  • Enade – Exame nacional de Desempenho dos Estudantes – realizado pelos estudantes para que seja possível avaliar seus rendimentos quanto às habilidades e competências a serem desenvolvidas.

Como consultar se o curso está autorizado

Como verificamos não existir diferença entre diploma presencial e EaD, a preocupação é com a validação do reconhecimento do curso pelo MEC. Esta é uma pesquisa que deve ser efetuada antes da matrícula em qualquer curso, podendo ser utilizado o portal do MEC via aplicativo e-MEC, que permite consultar gratuitamente o reconhecimento do curso e as respectivas notas de avaliação das instituições.

Aceitação pelo mercado de trabalho

Não existe diferença entre diploma presencial e EaD sob o ponto de vista do mercado de trabalho, pois se o curso for reconhecido pelo MEC, o diploma será válido e, para efeito das empresas, a formação estará adequada. Inclusive o mesmo critério é adotado pelos órgãos públicos quando realizam seus concursos e que exigem somente que o diploma seja reconhecido pelo MEC. Nos processos de seleção, a preocupação de quem está contratando é com a validade do diploma, os conhecimentos técnicos e a formação do candidato. Como não existe diferença entre diploma presencial e EaD, ele é válido inclusive para quem optar por uma extensão profissional, como é o caso de cursos de pós-graduação lato sensu ou stricto sensu.

Considerações finais

Como vimos, não existe diferença entre diploma presencial e EaD, desde que o curso seja autorizado pelo MEC e cumpra todas as exigências legais para seu funcionamento. Desta forma, o risco de um diploma não ter validade é o mesmo tanto no ensino presencial como no EaD, pois se as determinações legais não forem atendidas, o curso não estará autorizado e o diploma não terá validade. Inexistindo diferença entre diploma presencial e EaD, o que ocorre é somente a forma como são aplicados os métodos pedagógicos que são adaptados ao aprendizado a distância ou presencial.

EVENTO ONLINE E GRATUITO PARA VOCÊ

Aprenda a converter seu Conhecimento em Riqueza se cadastrando:

Confira Nossos Últimos Artigos

Veja abaixo as novidades que preparamos para você, todo dia um texto novo.

Quais as principais opções de EAD

Sugestão de Cursos - 22/07/2020

5 Vantagens do Ensino a Distância

Educação a Distância - 03/08/2015

Conheça 4 processos de avaliação na EaD

Moodle [plataforma ead] - 18/07/2017